mario-carvalho

Devido a determinados esforços, profissionais e não só, desenvolvi uma epicondilite, que é, de uma forma geral, uma tendinite do cotovelo direito.

 

Quando me foi diagnóstico pela primeira vez este problema, foi necessário fazer vários tratamentos de fisioterapia durante vários meses, o que resolveu a situação. No entanto, recentemente, voltei a ter dores muito fortes e que me limitavam em alguns movimentos. Desta vez foi necessário tomar medidas mais drásticas, pelo que tive de fazer uma infiltração com um corticoide muito potente. Mais uma vez a situação resolveu mas apenas por cerca de dois meses.

 

Foi então que iniciei a toma da bebida MOA, e depois de duas semanas a tomar o Moa de forma consistente notei melhorias consideráveis. Após um mês a tomar o MOA de forma consistente retomei a mobilidade do braço. Foi e continua a ser uma bebida importante pois não tenho necessidade de recorrer a medicamentos potentes e que trazem outras consequências para o organismo.